Diabetes,Diabetes and Metabolic,Diabetes Prevention,diabetologist,diabetology,Health Blog

5 complicações que surgem com o diabetes – Blog Credihealth


A glicose é uma importante fonte de energia para as células e tecidos do corpo e, portanto, é importante para a saúde geral. O diabetes é um distúrbio que afeta a maneira como o corpo consome a glicose do sangue. Duas formas de diabetes crônico são diabetes tipo I (produção de menos ou nenhuma insulina em o corpo) e diabetes tipo II (resistência ou deficiência à insulina).

O diabetes produz quantidades excessivas de glicose no sangue que podem colocar uma pessoa em risco de ter outros problemas de saúde graves.

Causas das principais complicações no diabetes

A falta de atenção adequada para manter os níveis de glicose no sangue pode tornar uma pessoa propensa a inúmeras complicações que podem afetar adversamente quase todos os órgãos do corpo. A maioria dessas complicações se deve a danos aos vasos sanguíneos, nervos ou ambos.

  1. Diabetes e olhos: O diabetes pode levar a doenças oculares, como glaucoma (por meio de um aumento pressão no olho), catarata e retinopatia diabética.
  2. Diabetes e rim: Níveis elevados de açúcar no sangue podem sobrecarregar os rins e causar danos aos rins.
  3. Diabetes e coração: Diabetes Lugar, colocar uma pessoa com risco de desenvolver acidente vascular cerebral, doença arterial periférica (DAP) e hipertensão.
  4. Diabetes e dentes: As pessoas têm maior probabilidade de desenvolver doenças gengivais e perder mais dentes se tiverem diabetes não controlado.
  5. Diabetes e nervos: O excesso de glicose nos vasos sanguíneos que abastecem os nervos pode danificar esses vasos sanguíneos, o que, por sua vez, afeta a função nervosa. Danos nos nervos e fluxo sanguíneo insuficiente nos pés porque problemas e desfigurações nos pés.

Além disso, leia o artigo Causas mais comuns de diabetes

Sinais e sintomas de complicações do diabetes

Dependendo do órgão afetado por o diabético condição, os indivíduos afetados podem experimentar o seguinte:

  1. Danos aos vasos sanguíneos das pernas e outros vasos grandes podem interromper o suprimento de sangue, causar cãibras nas pernas, mudar a pele cor e diminuir a sensação naquela região. As pessoas podem não apresentar sintomas de doenças cardíacas até terem um derrame.
  2. O distúrbio ocular devido ao diabetes pode criar problemas de visão, perda de visão ou dor.
  3. Lesões renais graves ou insuficiência renal causam inchaço nas pernas e pés.
  4. Danos nos nervos causados ​​pelo diabetes resultarão em dormência, queimação, formigamento ou dor aguda nos pés, mãos ou outras partes do corpo (neuropatia diabética); danos aos nervos conectados aos órgãos internos (neuropatia autonômica); problemas digestivos ou sexuais (gastroparesia); perda de controle da bexiga, tontura.

Qual especialista deve ser consultado em caso de algum dos sinais e sintomas?

Percebendo condições anormais além dos sintomas diabéticos usuais, as pessoas podem marcar uma consulta com um endocrinologista especializado no tratamento de distúrbios causados ​​por desequilíbrio hormonal.

Quais modalidades de tratamento estão disponíveis para controlar o transtorno?

O tratamento ou redução dos fatores de risco do diabetes não controlado se concentra em retardar o desenvolvimento ou a disseminação dos danos a diferentes órgãos. Isso é mediado por medicamentos ou cirurgia. No entanto, o fator mais crucial no controle da suscetibilidade às complicações do diabetes está no controle dos níveis de glicose e colesterol no sangue.

Precauções necessárias durante o tratamento?

O diabetes é um distúrbio crônico que pode progredir para um estágio de risco de vida ou levar a outras doenças. É muito importante que siga rigorosamente o plano de tratamento delineado pelo seu médico. O autocuidado tenaz pode reduzir muito o risco de desenvolver complicações.

Requisitos dietéticos e de atividade física durante o curso de controle do diabetes?

  1. Comprometa-se com mudanças saudáveis – Uma alimentação saudável e exercícios físicos devem ser incluídos na rotina diária. É importante monitorar seus níveis de glicose e colesterol no sangue, manter seu peso corporal ideal e acompanhar seu progresso com seu médico.
  2. Deixar de fumar – O fumo aumenta o risco para o desenvolvimento de danos ao coração, rins e nervos.
  3. Beba álcool moderadamente – O álcool pode diminuir os níveis de açúcar no sangue.
  4. Mantenha a imunidade forte – O diabetes pode afetar seu sistema imunológico. É essencial estar em dia com todas as vacinas necessárias.
  5. Gerenciar níveis de estresse – O estresse pode interromper os níveis normais de hormônio no corpo e prejudicar apropriado função da insulina.

Como você pode evitar a ocorrência ou recorrência de complicações?

Nos estágios iniciais do diabetes ou de suas complicações em desenvolvimento, a medicação pode ser suficiente para prevenir a progressão da doença. Os efeitos negativos podem ser investido fazendo as mudanças necessárias no estilo de vida. Os pacientes devem seguir seu plano de tratamento para manter os níveis de glicose no sangue sob controle e garantir a estabilidade a longo prazo no tratamento da doença diabética..

Leia o artigo: Melhor controle do diabetes em 15 minutos ou menos

Veja nossa lista de Melhor especialista em diabetes da Índia ou fale com especialistas médicos da Credihealth GRATUITAMENTE e obtenha orientação personalizada

Solicitar retorno de chamada



Este artigo foi escrito em Português do Brasil, baseado em uma matéria de outro idioma. Clique aqui para ver a matéria original. Se desejar a remoção desta publicação, entre em contato no email cc@reducaodepeso.com.br.

Você também pode gostar...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *